ICE analisa a implentação de medida de deportação expressa em nível nacional

Spread the love




 

Os agentes de imigração do Immigration and Customs Service (ICE) estão no aguardo para uma ordem final para implementação de medida de deportação expressa em todo país.

Essa medida permitirá que as autoridades americanas negue direito de um imigrante em comparecer perante a um tribunal para aqueles que não podem provar que eles estão no país por mais de 90 dias. Se eles não provarem, seriam deportado imediatamente.

O Department of Homeland Security (DHS) confirmou para a imprensa que está analisando a aplicação desta política em nível nacional, na qual aumentaria a disposição atual que só se aplica aos imigrantes indocumentados que não estão a mais de 100 milhas da fronteira.

Para ativistas e grupos pró-imigrantes, a implementação dessa medida, sem a cláusula de proximidade da fronteira, seria muito perigoso desde que isso abriria a possibilidade de autoridades de imigração perseguirem pessoas indocumentadas em todo país, forçando eles a verificarem que eles estão no país por mais de 3 meses, o que muitos indocumentados não seriam capaz provar, sendo alvo de deportação.

Em Fevereiro, o secretário do departamento de segurança nacional John Kelly emitiu uma diretiva extendendo os poderes de deportação expressa além da área fronteiriça, usando uma lei forçada de 1996.

Em todo caso, essa diretiva não foi implementada pelos membros das autoridades americanas aguardando uma decisão final que poderia chegar a qualquer momento.

Acredita-se que a aplicação desta nova diretiva é uma resposta direta às pressões sofridas pelo presidente Donald Trump dos setores mais radicais de seu partido, que criticam por ter sido muito gentil com os indocumentados.

 

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *